Resenha: Ouro - Chris Cleave | Padronizado


Resenha: Ouro - Chris Cleave

Resenha: Ouro - Chris Cleave

           Ouro foi publicado no Brasil pela Intrínseca e devo dizer que ainda estou sem palavras para descrever o quanto esse livro é incrível! Observem a parte de trás:


           Apesar de não ter lido Pequena Abelha, digo com toda a convicção que nada poderia explicar melhor esse livro como o que está escrito na imagem acima. "(...) o que acontece nesse livro é apenas parte da história - o que realmente importa é como você se sente ao ler."
           Contando a história de Zoe, Kate, Jack e a pequena Sophie, Cleave conseguiu me deixar de boca aberta! A escrita do autor é impressionante e conseguiu mexer com tudo dentro de mim de forma surpreendente.
           Por possuir flashbacks, é extremamente difícil descobrir algo até a hora que Cleave quer que você descubra. Mesmo que passe o livro inteiro pensando que algo é de tal forma, ele com certeza vai te surpreender e mostrar que pode ser bem diferente.
           Zoe, Kate e Jack se conhecem na adolescência, enquanto tentam entrar para a equipe de um grande treinador do ciclismo inglês: Tom. A trajetória dos três vai até as Olimpíadas de Londres, em 2012.
           Kate e Jack são casados, no presente da história, e tem uma filha, Sophie. Esta é apaixonada por Star Wars e sofre de leucemia, fazendo seus pais serem obrigados a conciliar o tratamento da filha com os treinos na bicicleta.
            Zoe é solitária, e Kate é sua única amiga. Tem um passado com Jack, o que causa grande rivalidade entre as duas, ainda mais quando somado ao fato de que são as duas melhores ciclistas britânicas e estão sempre competindo entre si. Ao contrário de Jack e Kate, Zoe vive apenas para o ciclismo e para ganhar o ouro nas Olimpíadas, o que a torna obcecada e até perversa, por algumas vezes.
             Uma história incrível sobre pessoas e seus pontos fracos, suas neuroses, suas manias e seus traumas. Ouro é, na verdade, um grande ensinamento e creio que todas as pessoas do mundo poderiam aprender algo de bom durante essa leitura, seja pessoalmente ou em termos de viver em sociedade.



Postado por: Gabriela Duarte.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Seguidores